fbpx

Açores2020

Nome da Operação

Formação Modular para Empregados e Desempregados

Objetivo Temático

Promover a sustentabilidade e a qualidade do emprego e apoiar a mobilidade laboral

Prioridade de investimento

Adaptação dos trabalhadores, das empresas e dos empresários à mudança

Regiões de Intervenção

Faial e São Miguel

Descrição do Projeto

O objetivo da Multicompetências, passa por potenciar a empregabilidade da população ativa, designadamente dos empregados e desempregados, e incluindo os que se encontram em risco de desemprego, através do aumento da sua adaptabilidade por via do desenvolvimento das competências requeridas pelo mercado de trabalho.

Pretende-se, no âmbito deste projeto, abranger 420 participantes, dos quais 378 empregados e 42 desempregados, incluindo desempregados de longa duração.

Áreas de Formação

621   Produção Agrícola e Animal

N.º da Candidatura:
ACORES-08-3524-FSE-000069

Entidade Beneficiária:
Multicompetências – Formação e Consultoria, Lda.

Tipologia da operação:
8.5.1.4 – Formação

Fundo:
Fundo Social Europeu

Data de início da operação:
06-01-2020

Data de fim de operação:
22-12-2021

::: Informações importantes :::

:: Pré-requisitos :: 

  • Os formandos têm obrigatoriamente de residir nas ilhas de: São Miguel ou Faial;
  • Não podem ser funcionários públicos;
  • No caso de serem empregados os mesmos tem de ser trabalhadores de micro ou pequenas empresas;
  • Os formandos empregados têm de ter no mínimo o 9º ano de escolaridade e são o nosso maior foco – segundo as indicações do projeto.
  • Os formandos desempregados têm obrigatoriamente de ter no mínimo o 12º ano.

: Outras informações :

Ações de formação Nível 2 – os formandos terão de ter escolaridade igual ou superior ao 4º ano
Ações de formação Nível 4 – os formandos terão de ter escolaridade igual ou superior ao 9º ano

:: Documentos que deverão ser entregues para inscrição :: 

  • Documento de identificação (caso seja cidadão estrangeiro terá que ser detentor de Titulo de Residência permanente) ;
  • Certificado de habilitações;
  • IBAN com nominativo; (ou seja o nome do beneficiário tem de constar no comprovativo – neste caso o do formando candidato);
  • Comprovativo face à situação de emprego ( em caso de empregado: recibo de vencimento e declaração da entidade patronal com a indicação do horário de trabalho. Em caso de desempregado: declaração do IEFP)
  • Declaração de residência ( algo que comprove que reside numa das ilhas acima mencionadas )

Cursos